Orações-que-transformam-o-mundo_banner

Orações que transformam o mundo

quinta-feira, 1 de novembro de 2018 | 74 acessos | Deixe seu comentário!

Gordon Lindsay reúne, neste livro, lições sobre o ministério de oração. A oração perseverante da fé é o único meio de transformar o mundo; é o poder que remove as montanhas da oposição; é a força que pode quebrar as garras das potestades das trevas que oprimem milhões de vidas em nosso mundo. Nunca houve tanta necessidade de intercessores comprometidos com a unidade em oração. Somente esse tipo de oração pode transformar o mundo. Orar é usar uma arma poderosa, é pôr a fé em ação. O apóstolo Paulo nos instrui: Orai sem cessar(1 Ts 5.17). Assim como o louvor e o jejum, a oração é um instrumento de guerra. Você não usa essas armas só porque todos estão usando. Com ela, você se posiciona espiritualmente. Esse é o tipo de guerra que realmente pode mudar o mundo.

Deus permitiu que Jó fosse provado ao extremo; e, quando ele orou , começou o processo de reversão de sua situação. O cristão vence suas lutas enquanto ora. Como diz a cantora Cassiane Manhães: Oração é alimento. De fato, o Senhor Jesus nos ensinou: O pão nosso de cada dia dá-nos hoje (Mt 6.11). O posicionamento em intercessão resiste aos ataques do inimigo , e o cumprimento do propósito de Deus em nós requer oração perseverante. À medida que se aproximar o fim, o inferno liberará demônios que estavam presos até esses últimos dias . Você consegue imaginar com que fúria eles investirão contra o povo de Deus? Temos as armas, resta-nos assumir a ofensiva e mover-nos nas regiões celestes contra os poderes do inimigo. Somos convidados a interceder pelos perdidos, ou eles morrerão sem salvação. Quantas pessoas oram apenas por si mesmas! Estão ocupadas com o que as afligem, capturadas de surpresa em questões inesperadas. Há um lugar secreto de oração, preparado para aquele que habita no esconderijo do Altíssimo (Sl 91.1a), e ali não é preciso temer mal algum (Sl 23.4). Habitar é viver em oração. Onde você tem habitado? Precisamos orar sem cessar, assim como Cristo orava. Não devemos correr o risco de agir por nossa limitação. Desde escolher uma profissão, mudar ou não de casa, com quem casar-se, comprar ou não uma propriedade – devemos sempre consultar a Deus antes de consultar os outros, orienta. O cristão vence as batalhas de joelhos. Posicione-se, e descubra que há orações que transformam o mundo.

Lindsay registra a primeira oração citada na Bíblia: aos 80 anos de idade, Abraão orou ao Senhor sobre o filho que lhe havia sido prometido. Quando algo é mencionado pela primeira vez na Bíblia, nessa menção estão as dimensões que nortearão as verdades implícitas ali. É a lei da primeira menção. Considerando isso, no episódio de Abraão, temos os seguintes elementos: a promessa, a petição, a , a oposição do inimigo, a demora na resposta, a intervenção miraculosa e o cumprimento. Essa mesma estrutura existe em qualquer situação. Lindsay lembra a experiência que Abraão viveu. Ele havia recebido a promessa de ser pai, mesmo sendo avançado em idade, porém seis anos se passaram. Então, sua esposa o induziu a distanciar-se da promessa recebida , gerando vários transtornos que se perpetuam até os nossos dias. Em outra ocasião, ele intercede por seu sobrinho, Ló , salvando a vida dele e das filhas. Quando chega o momento de seu filho Isaque se casar, Abraão pede ao seu servo de confiança que encontre para ele uma esposa temente a Deus , e se mantém em oração. A descendência de Abraão experimentou prosperidade e a superação de crises terríveis devido à sua vida cheia de temor e oração. É essa postura perseverante que nos conduz em vitória diária.

 

Exercício da fé – Moisés, outro exemplo que Lindsay cita, é um intercessor por excelência. Mesmo diante de adversidades e longas esperas, manteve-se quebrantado, como no início de seu chamado. Apesar de ser o escolhido de Deus para libertar os filhos de Israel, esse grande líder teve de aprender a difícil lição de esperar a resposta e agir na hora certa. Fé é algo prático, e oração é um exercício da fé. Lindsay observa que fé envolve ação. Depois que a oração da fé é feita, coloque sua fé em prática . Diante dos maiores desafios, Moisés, por meio da oração de intercessão, livrou da morte dois milhões de pessoas. Um intercessor sente a dor do outro como se fosse a própria dor, e intercede segundo a vontade de Deus. Foi como Moisés orou. Um intercessor se prostra para outros ficarem de pé – foi o que Moisés fez (Ex 32.32). É assim que ele recebe o privilégio de contemplar a glória de Deus. Muitos clamam para ver a glória de Deus. Quantos querem se prostrar e interceder?

A eficiência de uma oração não está em sua duração , tom de voz ou palavras escolhidas, e sim  se ela está em concordância com a vontade do Pai. Simples assim. No caso de Josué, o Altíssimo parou o Sol para atender à oração de seu servo. Mas qual era o relacionamento de Josué com Deus? Apareceu um anjo a ele, e a primeira reação não foi um “Oh, um anjo!”, e sim de discernimento: És tu dos nossos ou dos nossos inimigos? (Js 5.13c). Josué era um homem pronto a obedecer ao Senhor, ele descartava o que retardava o agir de Deus em sua vida. Alinhe-se! Você quer transformar o mundo com oração? Comece quebrantando o seu coração se estiver com relacionamentos rompidos – é a primeira coisa que retém a resposta às orações (Mt 5.23,24). Aliás, o alinhamento, também, pode ser de propósitos, como foi o caso de Ana. Ela queria tanto um filho, mas precisou aprender a pedir . Seja como o pequeno Samuel, que, ao ouvir a voz de Deus, respondeu: O teu servo ouve (1 Sm 3.9b) . Ouvir significa obedecer.

Outro aspecto da oração eficaz: tire os ídolos do seu coração – prazeres, passatempos, férias e até mesmo a família . Nada pode ficar entre você e o Pai. Sim, é uma atitude extrema . Elias tinha essa postura. Sua entrega foi total , e, por isso, os milagres fluíam por seu intermédio, até mesmo a ressurreição de uma criança , além de outros feitos , a ponto de Lindsay chamá-lo de “homem dos milagres” . Como você é conhecido entre aqueles que não servem ao Soberano? Deixe sua marca de alguém que conhece o Deus que ouve as orações. Que a sua fé seja reconhecida como construída sobre o “assim diz o Senhor” . O relacionamento de Elias com o Altíssimo era tão profundo que ele parou de orar pedindo chuva tão logo avistou uma pequena nuvem, pois creu que a resposta havia chegado. A oração jamais fica sem resposta. Persevere em orar.

As orações que transformam o mundo são revestidas de renúncia e foco em Cristo . Em dias de profunda angústia, aquele que vive essa renúncia e foco tem uma certeza inabalável: Não temas; porque mais são os que estão conosco do que os que estão com eles (2 Rs 6.16) . São palavras de Eliseu diante de uma situação de desespero. Mais tarde, Davi diria algo semelhante: O anjo do Senhor acampa-se ao redor dos que o temem, e os livra (Sl 34.7). Deus não demora a responder nenhuma oração, mas impedimentos surgem para nos exercitar em perseverança. A vida do apóstolo Paulo exalava oração! Ao se converter, sua primeira pergunta foi uma oração: Senhor, que queres que faça? (At 9.6). Uma vida cristã autêntica começa onde termina a vontade própria e começa a vontade de Deus, diz Lindsay . Paulo criou vínculos em oração com Barnabé . Toda a Europa foi impactada por seu ministério. Suas orações e fé mudaram o mundo. A Igreja primitiva, aliás, cresceu sob essa perspectiva, em temor e fé. E o que dizer do Senhor Jesus, cujo ministério começou com a oração (Mt 3.13-17)?  Em meio a situações adversas, Cristo orava ao Pai – Ele nos deu o exemplo (Jo 11.42,43). No Getsêmani, antes de ir para os açoites e, então, para a cruz, Ele intensificou a oração .

Muitos oram com alardes desnecessários, porque deduzem que seu flagelo pessoal moverá o favor de Deus. Que ilusão! O Nome de Cristo é a única assinatura reconhecida no banco do Céu; qualquer outra é uma mera falsificação!  Em Mateus 6.9-13 Jesus nos ensina a estrutura da oração, e Lindsay destaca que precisamos pedir por misericórdia , pelo Espírito Santo, pelos irmãos em Cristo e os que nos feriram, pela Seara, pelo livramento de cair em tentações, para que a vontade do Pai seja feita  e para sermos encontrados dignos diante Dele.

 

Presença de Cristo – Não há oração sem resposta. Se Deus silencia, Ele está preparando você para receber a resposta de suas orações. Esteja preparado para esperá-la ! Quando alguém pede tudo o que quer, sem se importar com a vontade de Deus, corre o risco de entrar em conflito com ela . A demora nas respostas pode ocorrer, também, por algum pecado não confessado ou pela falta de comunhão. A oração é uma arma usada durante batalhas espirituais , e é o Senhor quem as vence por nós – e Ele não precisa de recurso algum para isso. Não são os medrosos que vencem em oração, e sim os corajosos . Essa coragem não é humana – ela nasce no coração daquele que se rende em temor, como Davi fazia diante de exércitos . Após cada vitória, ele se quebrantava mais diante do Senhor . Se esperarmos Nele, receberemos a estratégia certa .

Homens citados na Bíblia e personagens históricos orando por livramento  ou por cura no Antigo ou Novo Testamento, todos experimentaram em oração a realidade de que a fé muda situações. Nossa posição em oração deve ser a declaração por fé. O exercício dessa fé é para cada cristão . Mas esse recurso divino não deve ser desculpa para descuidarmos da saúde. Discipline-se para ter diariamente tempo em oração, submeta-se à vontade de Deus, reconheça a presença de Cristo, e O adore. É nesse momento que você entrega a Ele o que o aflige. Oração é uma atitude de vida. Se você pensa que sua oração é “fraca”, saiba que é o Espírito Santo quem levará suas orações a Deus e trará a resposta . Diante das verdades que esse livro aponta, que possamos pedir como os discípulos: Senhor, ensina-nos a orar (Lc 11.1).

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (0) (média: 0,00 de 5)
Loading...Loading...

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *